Tesla

Tesla Motors – A história da montadora que vem mudando o mundo – A Origem

Há poucas dúvidas dentro da indústria automotiva que o futuro é reservado aos carros elétricos. São diversas as montadoras que já anunciaram que grande parte de sua produção, quando não toda, será composta de veículos elétricos ou híbridos.

Volvo, Mercedes-Benz BMW, são alguns nomes que prometem já para 2020 fazer parte dessa mudança da indústria automotiva e do mercado consumidor.

Foto/Reprodução: Site Oficial da Tesla. Tesla – Model S

Houve um período, no entanto, onde poucos acreditavam nos carros elétricos. Especialmente pelos altos custos envolvidos em peças fundamentais. Mas houve uma empresa que topou o desafio e contribui para pavimentar o caminho dos elétricos como alternativa viável: a Tesla.


Tesla: pioneirismo e inovação

Aqui em nosso blog estamos acostumados a contar a história de companhias que existem há um longo período de tempo. São aquelas que ajudaram a formar o mercado automotivo, em especial o de luxo, como conhecemos hoje.

A Tesla que tem em seus quadros o bilionário Elon Musk, porém é ainda uma jovem companhia do setor automotivo prestes a completar 15 anos. O que torna seus feitos e influência ainda mais impressionantes.

First Production Model 3

Uma publicação compartilhada por Elon Musk (@elonmusk) em

Foto/Reprodução: Instagram Oficial de Elon Musk. Tesla – Model 3

Nas décadas finais do século passado, o estado da Califórnia se tornou o maior centro de inovação da história recente. Foi lá que nasceram empresas e ideias que ajudaram a conformar o mundo como o conhecemos.

Em 1997, Martin Eberheard e Marc Tarpenning,  co-fundaram a NuovoMedia, reponsável por criar o Rocket, um dos primeiros eReaders. Após 3 anos apenas, eles venderam a empresa por 187 milhões de dólares e decidiram se aventurar em um novo mercado: o automotivo.

Nikola Tesla

Foto/Reprodução: Cientista Nikola Tesla.

Em 2003, em Palo Alto, Califórnia, era fundada a Tesla, cujo nome faz referencia ao importante cientista Nikola Tesla. Em um primeiro momento a ideia do uso da eletricidade para mover seus carros não era uma certeza. O objetivo era contar com uma fonte de energia alternativa, sendo testados de gás natural a hidrogênio. Após decidir pela energia elétrica como fonte, o desafio era estabelecer qual seria o público alvo da empresa.

Não era apenas sobre produzir carros elétricos ecologicamente corretos, mas produzir veículos que se destacassem pela beleza e desempenho.

No começo dos anos 2000, porém, o interesse por automóveis do tipo era baixo, sendo que grandes empresas colecionavam fracassos com projetos do tipo.

Os combustíveis fósseis tinham sua hegemonia contestada apenas por um pequeno setor crítico aos problemas que estes acarretavam. Além disso, a tecnologia existente a época tinha um alto custo e gerava pouca autonomia aos automóveis. Como resultado, já no primeiro ano a Tesla quase quebrou.

Surge então Elon Musk, que a época já era uma figura conhecida e respeitada no Vale do Silício. Em 2004, Musk investe 7,5 milhões de dólares na companhia, se tornando presidente do conselho.

Nos anos seguintes, 2005 e 2006, faz novos aportes financeiros que garantem a sobrevivência da montadora. Embora naquela época Musk não participasse do dia a dia da Tesla, mas seus palpites no design e projetos eram constantes.

O Primeiro Automóvel

Vídeo/Reprodução: Youtube.com – Título do Vídeo: AC Propulsion TZero Reveal – Electric Vehicle Phenomena Story Full (HD). Descrição (tradução livre): Este é outro olhar para o extremamente raro veículo elétrico AC Propulsion TZero (…) Infelizmente, apenas dois desses carros espetaculares permanecem intactos desde que um foi destruído em um incêndio químico no prédio da Gruber Motor Company em 2017. (…)

Durante o desenvolvimento de seu primeiro automóvel, a montadora utilizou como base um modelo chamado Tzero, da AC Propulsion, que utilizava baterias de íon-lítio. A partir dos testes realizados com esse carro, a Tesla foi capaz de desenvolver seu próprio motor, sistema de eletrônica e conector de recarga.

Aliás, esse é um dos grandes diferenciais da companhia e motivos de seu sucesso: quase todas as tecnologias utilizadas em seus carros são desenvolvidas do zero. Com isso, ela evita pagar patentes e licenciamentos para outras marcas, além de ampliar suas possibilidades.

Vídeo/Reprodução: Canal Oficial da Tesla no Youtube.com – Título do Vídeo: Tesla Roadster in St. Moritz, Switzerland. Descrição (tradução livre): O Tesla Roadster ama a Suíça. O Roadster tem um incrível controle de tração – se você começar a escorregar, o software imediatamente percebe e ajuda a se estabilizar. Muitos carros convencionais perdem cerca de 3% de eficiência por 300 metros de altitude, mas não o Roadster!

Em julho de 2006 o primeiro carro da marca Tesla é apresentado ao público: o Roadster. O primeiro esportivo elétrico do mundo tinha autonomia de 350 Km com uma carga e alcançava de 0 a 100 Km/h em apenas 4 segundos. Sua produção foi limitada e o mercado recebeu a novidade com grandes desconfianças.

Assim, era dado o pontapé inicial para aquela que ao longo dos anos se tornaria uma das grandes montadoras norte-americanas. Não sem percalços, é claro.

Foto/Reprodução: Site Oficial da Tesla. Tesla Roadster.

Quer saber mais sobre como continua essa história? Confira outras partes dessa história:  http://blog.paitomotors.com.br/2018/04/19/tesla-motors-a-historia-da-montadora-que-vem-mudando-o-mundo-parte-2/

Veja também: http://blog.paitomotors.com.br/2017/12/28/tesla-e-elon-musk-o-futuro-da-industria-automotiva/

E para não perder nenhuma novidade da Paíto Motors, curta nossas páginas nas redes sociais. Até a próxima!

Vídeo/Reprodução: Canal Oficial da Tesla no Vimeo.com – Título do Vídeo: Winter Challenge on Snow and Ice.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *