AutomobilismoDesignFiatHistóriaInovaçãomaseratiMasserattiSem categoria

Maserati – Uma potência italiana – Parte 1

Quando falamos da produção de super carros é impossível não pensar na Itália. O país da bota é lar de algumas das principais marcas do segmento.

Como a Ferrari, Lamborghini, Alfa Romeo, Lancia e, claro, a Maserati!

Com mais de 100 anos de atividade, a marca possuí uma história fascinante, com grandes conquistas nas pistas, modelos incríveis e mudanças de donos.

É um pouco dessa trajetória que começamos a te contar agora. Confira!

Maserati: Uma paixão de família

Rodolfo Maserati era um ferroviário italiano que teve sete filhos no final do século XIX.

Que época para se viver! Nela foram forjadas as bases que sustentariam o novo mundo do século seguinte.

A produção de conhecimento era vibrante em todas as áreas. As máquinas passavam a fazer parte do cotidiano e conquistavam a todos.

Fonte: Reprodução do Site Trilhos do Design: Evolução das locomotivas no século XIX

Rodolfo era um apaixonado tanto pelas novas invenções como pela velocidade, transmitindo esse sentimento aos filhos.

Tanto assim que Carlo, seu primogênito nascido em 1881, construiu seu primeiro motor de um cilindro aos 17 anos de idade.

O motor, porém, não foi utilizado em um carro.

Nessa época o mais velho dos 7 irmãos trabalhava em um fábrica de bicicletas. Sendo assim, seu invento equipava as magrelas.

Carlo não era apenas um grande engenheiro. Era também um excelente piloto.

Fonte: Reprodução do Site Wikipedia: Carlo Maserati on a velocipede

Com suas bicicletas motorizadas ganhou as provas de Brescia-Orzinouv (1899), Brescia-Cremona-Mantua-Verona-Brescia e Padovana-Bovolenta , disputadas em 1900.

Como resultado de seu desempenho nas pistas foi contratado pela Fiat como piloto de testes.

Carlo Maserati era o orgulho e servia de inspiração para sua família.

Fonte: Reprodução do Site: Magnolia Box: Carlo Maserati at Anzano del Parco

Após dois anos de Fiat, se juntou a Isotta Fraschini, uma potencia na época, para trabalhar como piloto e mecânico.

Na Isotta recomendou a contração de seu irmão Alfieri.

E esse não foi o único momento, aliás, que Carlo  trabalhou em família. Ele abriria a porta para mais de seus irmãos na indústria automotiva.

Seu espirito inquieto o levou a mudar de empresa novamente.  Em 1907 foi para a fabricante de motocicletas Bianchi.

Lá ele se tornou responsável por desenvolver automóveis de competição, tendo disputado a Copa Florio e Kaiserpries.

Fonte: Reprodução do Site: Continental Circus

Um ano depois, o mais velho dos Maserati se tornaria gerente de produção da Junior, companhia Turim, contratando seu irmão Ettore.

Em 1909, contudo, a Junior encerra suas atividades, e Carlo resolve começar sua própria empresa.

Embora continuasse a ser um apaixonado pela velocidade e pelos carros, seu grande objetivo com a nova companhia era a produção de um avião.

Infelizmente, Carlo Maserati faleceu no ano seguinte, devido a uma grave doença pulmonar, sem que pudesse ter concluído sue objetivo.

Para os Maserati a perda do primogênito foi um baque. A família sempre fora muito próxima e o irmão mais velho motivo de admiração.

Alfieri, o segundo filho, sentiu a responsabilidade de cuidar dos demais com a partida e, em 1914, estabeleceu a Società Anonima Officine Alfieri Maserati

Fonte: Reprodução do Site: Maserati USA Brand the company

O futuro parecia promissor para a família. Alfieri e Ettore contavam com experiência e reconhecimento na indústria automotiva e automobilismo.

Apenas seis meses após a abertura da empresa, porém, começa a primeira Guerra Mundial e os irmãos são convocados pelo exército.

O conflito, porém, não foi capaz de frear o sonho dos Maserati.

Fonte: Reprodução do Site: Maserati of Albany

No próximo artigo iremos mostrar como essa paixão familiar se transformou em símbolo de velocidade, qualidade e elegância.

E para ficar por dentro de todas as novidades da loja  Paíto Motors,  curta nossas páginas nas redes sociais.

Até a próxima!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *